top of page
  • Foto do escritorEnsaio Crítico

Cinema do Dragão anuncia filmes da 10ª Mostra Retroexpectativa

Até 7 de fevereiro, a aguardada mostra exibirá mais de 75 filmes entre sucessos de crítica e público, clássicos e pré-estreias, além de sessões comentadas, bazar de cartazes e outras novidades



Anualmente realizada desde a reinauguração do Cinema do Dragão em 2013, equipamento da Secretaria da Cultura do Ceará (Secult Ceará), que integra o Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura, gerido pelo o Instituto Dragão do Mar, a Mostra Retroexpectativa chega à sua 10ª edição, trazendo nas salas 1 e 2, entre 25 de janeiro e 7 de fevereiro de 2024, filmes de destaque no circuito dos lançamentos de 2023, pré estreia de obras que serão lançadas neste ano, inéditas no circuito comercial em Fortaleza, e exibições de clássicos de diversas cinematografias. Haverá ainda as sessões comentadas, ciclos de palestras e a estreia da quarta faixa curatorial Transversal, que apresentará uma seleção de 20 filmes de curtas-metragens distribuídos em diferentes sessões. Com exibições em diferentes formatos, do digital à película de 35mm, haverá algumas sessões gratuitas.


A curadoria de filmes da 10ª Mostra foi elaborada por Fábio Rodrigues Filho, curador e programador do Cinema do Dragão, junto a Kênia Freitas, pesquisadora, crítica e curadora. Ao todo, a 10ª RetroExpectativa apresenta ao público mais de 75 filmes, com coproduções de mais de 14 países (França/ Polônia/ Itália/ Sudão/ Palestina/ Senegal/ Japão/ Chile/ Argentina/ Portugal/ Estados Unidos), 22 filmes cearenses e 20 de diversas outras regiões do Brasil. Entre curtas e longas-metragens, além de dois programas de curtas: na faixa Clássicos, 13 filmes da cineasta Alice Guy Blaché e, na faixa Transversal, 4 curtas da cineasta palestina Larissa Sansour.


A RetroExpectativa conta com o apoio da Mostra de Cinema Árabe Feminino, Cinemateca da Embaixada da França no Brasil, da Embaixada da França no Brasil e Institut Français. Entre as novidades desta edição, se destaca a criação da quarta faixa curatorial, a Transversal, que apresentará uma seleção de 20 filmes de curtas-metragens distribuídos em diferentes sessões. Com esta nova faixa, a mostra apresentará uma programação em que filmes de diferentes metragens e linhas curatoriais interagem numa mesma sessão, “a Mostra já está ligada a imagem do tempo, de olhar para o passado e para o futuro, assim, a ideia do transversal é trançar, cortar, trazer cruzamentos e reafirmar que o tempo se aflora no contemporâneo, algo que já faz parte do histórico do Cinema do Dragão”, analisa Fábio.


Aproximados por traços estéticos comuns, temáticas ou mesmo correspondências insuspeitas a nível histórico, os curtas exibidos apresentam também uma diversidade no que tange às pessoas que realizam tais filmes (pessoas trans e travestis, não binárias, negras, mulheres, etc.). A nova faixa também pretende experimentar a possibilidade de criação de um projeto fixo de inclusão de filmes de diferentes metragens na grade regular do circuito de lançamentos, assim, a presença de curtas cearenses abrindo as sessões da mostra ativa o plano. Kênia Freitas, curadora convidada, destaca que a novidade se relaciona com “a experiência do cinema que vivemos hoje está cada vez mais ligada às múltiplas telas, com o computador, celular e televisões, mas sem esquecer do espaço da sala de cinema", assim, “é importante reafirmar isso nas salas”, acrescenta.


Também nesta edição, Noá Bonoba, atriz, roteirista, cineasta e dramaturga, conduzirá o ciclo de conferências Cinematografias Trans, que acontecerá remotamente entre os dias 5 e 7 de fevereiro, de 10h às 12h. Dividido em 3 momentos de diálogo, os encontros abordarão personagens e cinematografia trans, além de questões trabalhistas no audiovisual. As inscrições podem ser realizadas virtualmente de 25 a 28 de janeiro pelo link.


Fora as novidades, também compõem a programação um bazar de cartazes, em que o público da mostra poderá trocar três ingressos de sessões da Mostra por um cartaz do acervo do Cinema do Dragão e a apresentação especial de “Nas Trilhas do Dragão”, projeto iniciado em 2023, que trará a Camerata de Cordas da UFC para a sessão de encerramento na Sala 2 com um concerto de 1h.


CONFIRA A PROGRAMAÇÃO


Faixa Retrospectiva (19 filmes)


ADEUS, CAPITÃO (Brasil, 2023)

Direção: Vincent Carelli e Tita // 175 min // 12 anos // Papo Amarelo/Vídeo nas Aldeias

Sinopse: O “Capitão” Krohokrenhum, líder do povo indígena Gavião, conta para suas netas a sua história. Das guerras de “índio bravo” ao contato com o “homem branco”, da hecatombe do contágio ao fim do mundo Gavião, Krohokrenhum conduz um movimento de reconstrução da memória de seu povo – acompanhado pela câmera de Vincent Carelli desde as primeiras VHS. Finalizado após a partida do Capitão, o filme é a devolução póstuma destes registros. Krohokrenhum deixa sua sombra e conduz, em canto solo, as novas gerações.

Sala 2 - Sessão:

Quarta-feira 31/01 - 14h _ Sessão seguida de conversa.


RETRATOS FANTASMAS (Brasil - 2023)

Direção: Kleber Mendonça Filho // 91 min // 12 anos // Vitrine Filmes

Sinopse: Como em tantas cidades do mundo ao longo do século XX, milhões de pessoas foram ao cinema no centro do Recife. Com a passagem do tempo, as ruínas dos grandes cinemas revelam algumas verdades sobre a vida em sociedade.

Sala 2 - Sessões:

Quinta-feira 25/01 - 14h

Terça-feira 06/02 - 14h


ESTRANHA FORMA DE VIDA (Espanha / França - 2023)

Direção: Pedro Almodóvar // 82 min // 14 anos // O2 Play/Mubi

Depois de 25 anos separados, o rancheiro Silva cavalga pelo deserto para visitar seu velho amigo Jake, o xerife de Bitter Creek. O que vem a seguir é uma tarde de intimidade compartilhada, reconciliação e lembranças. No entanto, no dia seguinte, a revelação da conexão dos dois homens com um crime local sugere que há mais no encontro deles do que apenas uma viagem pela estrada da memória.

Sala 1 - Sessão:

Domingo 28/01 - 13h40


ELIS & TOM, SÓ TINHA QUE SER COM VOCÊ (Brasil - 2023)

Direção: Roberto de Oliveira e Jom Tob Azulay // 100 min // Livre // O2 Play

Sinopse: Duas grandes estrelas da música brasileira se reúnem em Los Angeles para gravar o álbum que se tornou um clássico. Munido de uma câmera 16mm, Roberto de Oliveira captou as sessões de ensaio e gravação do álbum. Até então inéditas, essas imagens foram restauradas em 4K, revelando a intimidade do processo criativo, a personalidade dos artistas, as tensões, os enfrentamentos e a crescente sinergia entre Elis Regina e Tom Jobim.

Sala 2 - Sessão:

Sexta-feira 02/02 - 14h


MÔA, RAIZ AFRO MÃE (Brasil - 2023)

Direção: Gustavo McNair // 100 min // 12 anos // O2

Sinopse: Em um prenúncio do que viria a ser o governo Bolsonaro, o mestre Moa do Katendê foi assassinado em um bar de Salvador, e foi assim que muita gente ficou sabendo de sua existência. O que muitos ainda desconhecem é que ele foi um dos artífices da revolução ocorrida no carnaval baiano, com o surgimento de blocos afro. Além disso, foi compositor, professor de capoeira e símbolo de resistência cultural. Sua história é contada através de imagens e depoimentos de gente como Gilberto Gil, Letieres Leite, Lazzo Matumbi, Fabiana Cozza, entre outros.

Sala 1 - Sessão:

Quinta-feira 25/01 - 15h20


DISCO BOY: CHOQUE ENTRE MUNDOS (Bélgica, França, Itália e Polônia - 2023)

Direção: Giacomo Abbruzzese // 91 min // 12 anos // Pandora Filmes

Sinopse: Depois de uma dolorosa viagem pela Europa, Aleksei chega a Paris para se juntar à Legião Estrangeira. No Delta do Níger, Jomo luta contra as companhias petrolíferas que ameaçam sua aldeia e a vida de sua família. Um dia, à frente de um grupo armado, ele sequestra cidadãos franceses. Um comando da Legião Estrangeira intervém, liderado por Aleksei. Os destinos de Aleksei e Jomo vão se fundir e continuar além das fronteiras, corpos, vida e morte.

Sala 1 - Sessão:

Terça-feira 30/01 - 16h10


CAPITU E O CAPÍTULO (Brasil - 2021)

Diretor: Júlio Bressane // 75 min // 14 anos // Pandora Filmes

Sinopse: Olhares, atitudes, vicissitude e passionalidade, novas e antigas percepções. Trama que permeia a inquietude trazida pelo sentimento mais primitivo que o ser humano pode experimentar, criando e sorvendo o fantasma criado pelo ciúme, desdobrando-se em intrigas capitulares criadas por Bentinho em devaneios que o tomam sobremaneira pelo amor doentio por sua Capitu.

Sala 1 - Sessão:

Sexta-feira 27/01 - 15h30


MARINHEIRO DAS MONTANHAS (Brasil, Argélia - 2021)

Direção: Karim Aïnouz // 98 min. // 12 anos // Gullane

Sinopse: Diário de viagem filmado na primeira ida de Karim Aïnouz à Argélia, país em que seu pai nasceu. Entre registros da viagem, filmagens caseiras, fotografias de família, arquivos históricos e trechos de super-8, o longa opera uma costura fina entre a história de amor dos pais do diretor, a Guerra de Independência Argelina, memórias de infância e os contrastes entre Cabília (região montanhosa no norte da Argélia) e Fortaleza, cidade natal de Karim e de sua mãe, Iracema. Passado, presente e futuro se entrelaçam em uma singular travessia.

Sala 2 - Sessão:

Terça-feira 07/02 - 14h


NOSSO SONHO (Brasil - 2023)

Direção: Eduardo Albergaria // 120 min // 12 anos // Manequim Filmes

Sinopse: Cinebiografia de Claudinho e Buchecha, dupla de maior sucesso do funk melody nacional de todos os tempos e ícone máximo do gênero na música brasileira. A história de uma amizade que se transforma em força de superação e conquista. Uma história real repleta de fantasia.

Sala 02: Sessão:

Sexta-feira 26/01 - 14h


OS DELINQUENTES (Argentina, 2023)

Direção: Martin Scorsese // 189 min. // 12 anos // Vitrine Filmes

Sinopse: Os bancários Morán e Román questionam a tediosa rotina que levam no centro de Buenos Aires. Um deles encontra uma solução e comete um crime em busca de uma vida melhor. Esta decisão leva a uma mudança radical na vida dos dois colegas e compromete para sempre o destino de ambos.

Sala 1 - Sessão:

Sexta-feira 26/01 - 15h30


UM FILME DE CINEMA (Brasil, 2017)

Direção: Thiago B. Mendonça // 84 min. // Livre // Embaúba

Sinopse: Bebel, filha de um diretor de cinema em crise, quer fazer um filme com seus amigos para um projeto escolar. A realização do filme se torna uma grande aventura e leva Bebel, sua família e seus amigos a uma viagem pela história do cinema.

Sessão para infâncias

Sala 2 - Sessão:

Domingo 28/01 - 14h

Domingo 04/02 - 14h


LUZ NOS TRÓPICOS (BRASIL - 2020)

Direção: Paula Gaitán // 260 min // 14 anos // Descoloniza Filmes

Sinopse: Em Luz nos Trópicos a cineasta Paula Gaitán tece uma densa estrutura de histórias e linhas do tempo, enredados por cosmogonias indígenas, cadernos de viagem e literatura antropológica. O filme é um tributo à abundante vegetação das Américas e às populações nativas do continente. Um filme de navegação livre como um rio sinuoso.

Sala 1 - Sessão:

Sábado 27/01 - 17h20


OPPENHEIMER (EUA - 2023)

Direção: Christopher Nolan // 180 min // 16 anos // Universal

Sinopse:. Ambientado na Segunda Guerra Mundial, o longa acompanha a vida de J. Robert Oppenheimer (Cillian Murphy), físico teórico da Universidade da Califórnia e diretor do Laboratório de Los Alamos durante o Projeto Manhattan - que tinha a missão de projetar e construir as primeiras bombas atômicas. A trama acompanha o físico e um grupo formado por outros cientistas ao longo do processo de desenvolvimento da arma nuclear que foi responsável pelas tragédias nas cidades de Hiroshima e Nagasaki, no Japão, em 1945.

Sala 1 - Sessão:

Quinta-feira 25/01 - 17h20


CLOSE (Bélgica, França, Holanda - 2022)

Direção: Lukas Dhont // 105 min // 12 anos // O2 PLAY e MUBI

Sinopse: Um estudo elegante, poético e empático da juventude, do aclamado escritor e diretor Lukas Dhont. Léo e Rémi, de treze anos, são inseparáveis; melhores amigos, tão próximos como irmãos. No entanto, quando começam um novo ano escolar, as pressões da adolescência florescente desafiam seu vínculo com consequências inesperadas e de longo alcance. Com atuações incríveis dos estreantes Eden Dambrine e Gustav De Waele, o segundo filme de Dhont é uma história de amadurecimento profundamente comovente que terá um impacto duradouro.

Sala 1 - Sessão:

Domingo 28/01 - 15h20


A PRAGA (Brasil – 2021)

Direção: José Mojica Marins // 70 min // 16 anos // Elo Filmes

Sinopse: “A Praga”, último filme inédito dirigido pelo mestre do horror José Mojica Marins (Zé do Caixão), conta a história de Marina e Juvenal. Um casal, que durante um passeio pelo campo, para em frente à casa de uma estranha idosa para tirar fotos. Irritada, ela se revela como uma bruxa e joga uma maldição em Juvenal: uma perseguição psíquica horrorizante, provocando uma ferida que se abre em seu corpo de forma descontrolada. O ferimento leva Juvenal a uma fome insaciável por carne crua e precisa ser alimentado constantemente para ser saciado. Como abertura do filme, o curta-metragem “A Última Praga de Mojica”, com direção de Cédric Fanti, Eugenio Puppo, Matheus Sundfeld e Pedro Junqueira, relata o processo de resgate e finalização de A Praga. Produzido originalmente em 1980, o filme não chegou a ser concluído e era dado como perdido.

Sala 2 - Sessão:

Sábado 03/02 - 14h


EO (Polônia/Itália – 2022)

Direção: Jerzy Skolimowski // 88 min // 14 anos // Zeta Filmes

Sinopse: O mundo é um lugar misterioso quando visto pelos olhos de um animal. Eo, um burro cinza com olhos melancólicos, conhece pessoas boas e más ao longo do caminho. Após deixar o circo, percorre da Polônia à Itália, experimenta alegria e dor, transforma sua sorte em desastre, seu desespero em uma inesperada felicidade. Mas nem por um instante ele perde sua inocência.

Sala 2 - Sessão:

Domingo 04/02 - 16h


SEM URSOS (Irã – 2022)

Direção: Jafar Panahi // 106 min // 12 anos // Imovision

Sinopse: Um retrato de duas histórias de amor contadas em paralelo. Em ambas, os amantes são afetados por obstáculos ocultos e inevitáveis, pela força da superstição local e pelos mecanismos do poder.

Sala 2 - Sessão:

Sexta-feira 26/01 - 16h20


BEM-VINDOS DE NOVO (Brasil – 2021)

Direção: Marcos Yoshi // 105 min // 10 anos // Embaúba

Sinopse – Na virada do milênio, os descendentes de japoneses Yayoko e Roberto Yoshisaki foram tentar uma vida melhor no Japão, enquanto seus três filhos ficaram no Brasil com os avós. O casal retorna 13 anos depois, e a família passa por uma complexa reconstrução afetiva, documentada pelo filho Marcos Yoshi. A história de uma família dividida entre a necessidade de garantir o sustento e o desejo de permanecer junta.

Sala 1 - Sessão:

Quarta-feira 31/01 - 16h


AFIRE (Alemanha - 2023)

Direção: Christian Petzold // 102 min // 12 anos // Imovision

Sinopse: Uma pequena casa de férias junto ao mar Báltico. Os dias estão quentes e não chove há semanas. Quatro jovens se reúnem, velhos e novos amigos. À medida que as florestas secas ao redor deles começam a pegar fogo, o mesmo acontece com suas emoções. Felicidade, luxúria e amor; mas também ciúmes, ressentimentos e tensões.

Sala 2 - Sessão:

Sábado 27/01 - 14h


Faixa Expectativa (16 filmes)


ESTRANHO CAMINHO (CE / Brasil, 2023)

Direção: Guto Parente // 83 min // 12 anos // Embaúba

Sinopse: Um jovem cineasta que visita sua cidade natal é surpreendido pelo rápido avanço da pandemia e precisa encontrar seu pai, com quem não fala há mais de dez anos. Depois do primeiro encontro, coisas estranhas começam a acontecer.

Sala 2 - Sessão:

Quinta-feira 25/01 - 19h _ Sessão seguida de conversa com a equipe.


QUANDO EU ME ENCONTRAR (CE/ Brasil, 2023)

Direção: Amanda Pontes e Michelline Helena // 78 min // Embaúba

Sinopse - A partida de Dayane se desenrola na vida daqueles que ela deixou para trás. Sua mãe, Marluce, faz de tudo para não demonstrar o choque que a partida da filha lhe causou. A irmã mais nova de Dayane, Mariana, enfrenta alguns problemas na nova escola onde está estudando. Antônio, noivo de Dayane, se vê num vazio diante da partida dela e busca obsessivamente por respostas.

Sala 2 - Sessão:

Sábado 03/02 - 16h _ Sessão seguida de conversa com a equipe.


A FLOR DE BURITI (Portugal/ Brasil, 2023)

Direção: João Salaviza e Renée Nader Messora // 124 min // Embaúba

Sinopse: Em 1940, duas crianças do povo indígena Krahô encontram na escuridão da floresta um boi perigosamente perto da sua aldeia. Era o prenúncio de um brutal massacre, perpetrado pelos fazendeiros da região. Em 1969, os filhos dos sobreviventes são coagidos a integrar uma unidade militar, durante a Ditadura brasileira. Hoje, diante de velhas e novas ameaças, os Krahô continuam a caminhar sobre a sua terra sangrada, reinventando a cada dia infinitas formas de resistência.

Sala 1 - Sessão:

Quarta-feira 31/01 - 19h20.


A INVENÇÃO DO OUTRO (Brasil, 2022)

Direção: Bruno Jorge // 144 min // 10 anos // Embaúba

Sinopse - Em 2019, a Funai realiza a maior expedição das últimas décadas na Amazônia para tentar encontrar e estabelecer o primeiro contato com um grupo de indígenas isolados da etnia dos Korubos em estado de vulnerabilidade e ainda promover um delicado reencontro com parte da família já contactada poucos anos antes.

Sala 2 - Sessão:

Terça-feira 30/01 - 19h


MAIS PESADO É O CÉU (Brasil, 2023)

Direção: Petrus Cariry // 98 min // 12 anos // Sereia Filmes

Sinopse: Após acolher uma criança abandonada, Teresa conhece Antônio e os dois iniciam uma jornada pelas estradas. O passado em comum, para eles, são as memórias de uma cidade submersa no fundo de uma represa. A vida é sonho, mas o futuro é a incerteza.

Sala 02 - Sessão:

Sexta-feira 02/02 - 19h


O DIA QUE TE CONHECI (Brasil, 2024)

Direção: André Novais // 70 min // 12 anos // Filmes de Plástico

Sinopse: Zeca todo dia tenta levantar cedinho pra pegar o ônibus e chegar, uma hora e meia depois, na escola da cidade vizinha, onde trabalha com bibliotecário. Acordar cedo anda cada vez mais difícil, há algo que o impede de manter esse cotidiano. Um dia Zeca conhece Luisa.

Sala 02 - Sessão:

Terça-feira 06/02 -20h.


SEM CORAÇÃO (Brasil, França, Itália, 2023)

Direção: Nara Normande e Tião // 92 min. // 14 anos // Vitrine

Sinopse: Verão de 1996, litoral de Alagoas. Tamara está aproveitando suas últimas semanas na vila pesqueira onde mora antes de partir para estudar em Brasília. Um dia, ela ouve falar de uma adolescente apelidada de "Sem Coração" por causa de uma cicatriz que tem no peito. Ao longo do verão, Tamara sente uma atração crescente por essa menina misteriosa.

Sala 02 - Sessão:

Sexta-feira 26/01 -20h10


LEVANTE (Brasil, 2023)

Direção: Lillah Halla // 99 min. // 14 anos // Vitrine

Sinopse: Sofia é uma jovem atleta que descobre estar grávida às vésperas de um campeonato de vôlei decisivo para sua carreira como esportista. Na tensão do momento, ela só tem uma certeza: não pode virar mãe.

Sala 02 - Sessão:

Sexta-feira 26/01 -18h20


ORLANDO, MINHA BIOGRAFIA POLÍTICA / Orlando, ma biographie politique (França, 2023)

Direção: Paul B. Preciado // 98 min. // 14 anos // Filmes do Estação

Sinopse: O filme é uma adaptação de uma das obras mais conceituadas da escritora inglesa Virginia Woolf, “Orlando”, em que o realizador, Paul B. Preciado, dirige uma carta à escritora a dizer que a sua personagem Orlando tornou-se real: o mundo está a tornar-se orlandesco. Preciado convocou um teste de elenco com 25 pessoas diferentes, todas trans e não binárias, para interpretar a personagem fictícia de Virginia Woolf, enquanto narram as suas próprias vidas. O filme reúne ainda uma série de imagens de arquivo sobre pessoas trans de meados do século XX que evocam os verdadeiros Orlandos históricos na sua luta pelo reconhecimento e visibilidade.

Sala 02 - Sessão:

Quinta-feira 01/02 - 20h.


REPRESA (Brasil, 2023)

Direção: Diego Hoefel // 77 min. // 14 anos // Olhar Filmes

Sinopse: Lucas atravessa o país para visitar o local de nascimento de sua falecida mãe. Para vender um terreno que ela possuía, Lucas se aproxima de Robson, um irmão que ele nunca conheceu. Quando a filha de Robson, Josy, conhece Lucas, ela percebe imediatamente que algo está errado.

Sala 02 - Sessão:

Terça-feira 30/01 -16h _ Sessão seguida de conversa.


TODAS AS VIDAS DE TELMA (CE/BR, 2023)

Direção: Adriana Botelho // 72 min // 12 anos // AVBEM, Bandoleira Filmes

Sinopse: Doze anos depois de ter visto os retratos pintados, Ana vai ao Crato realizar uma pesquisa sobre a fotógrafa Telma Saraiva. Faz uma viagem de volta, em busca dos significados das imagens.

Sala 2 - Sessão:

Domingo 28/01 - 16h _ Sessão seguida de conversa.


UM PEDAÇO DO MUNDO (CE/BR, 2023)

Direção: Tarcísio Rocha Filho, Victor Costa Lopes e Wislan Esmeraldo // 75 min //

Sinopse: Quatro mulheres distintas e mães de pessoas LGBT+ compartilham suas vidas e

suas experiências em relação à maternidade.

Sala 2 - Sessão:

Quarta-feira 07/02 - 16h _ Sessão seguida de conversa.

MAMI WATA + (Nigéria, França, 2023)

Direção: C.J. 'Fiery' Obasi // 107 min //

Sinopse: Quando a harmonia numa aldeia é ameaçada por elementos externos, duas irmãs devem lutar para salvar o seu povo e restaurar a glória de uma deusa sereia à terra.

Sala 2 - Sessão:

Sexta-feira 02/02 - 17h


TODA NOITE ESTAREI LÁ (Brasil, 2023) - Materiais

Direção: Suellen Vasconcelos, Tati Franklin // 72 min //

Sinopse: Impedida de frequentar o culto de sua preferência, Mel não desiste de professar a sua fé. Toda noite ela prepara cartazes e os leva para a porta da igreja, à espera do dia que poderá voltar a entrar. Ao longo de anos marcados pela ascensão de um governo ultraconservador e pelas dificuldades trazidas por uma inesperada pandemia, o documentário acompanha a luta da cabeleireira transexual por fazer valer o seu direito constitucional à liberdade religiosa.

Sala 02 - Sessão:

Sábado 27/01 - 18h30


SOB A TERRA DO ENCOBERTO (Brasil-PA, 2022) - Materiais

Direção: Xan Marçall, Id Libra // 57 min //

Sinopse:Sob a Terra do Encoberto é uma obra audiovisual centrada no conflito entre o documentário e a ficção. Numa pandemia, a cultura das comunidades tradicionais é ameaçada por um projeto político governamental. O filme apresenta visões de mundo pautadas em imaginários insurgentes afro-indígenas, através da história, do mistério, da poética e do encantamento presentes na experiência de pessoas trans e travestis do norte e nordeste do Brasil.

Sala 02 - Sessão:

Terça-feira 06/02 - 17h


OS ANOS SUPER-8 / LES ANNÉES SUPER-8 (França, 2022) - Materiais

Direção: Annie Ernaux e David Ernaux-Briot // 62 min // 12 anos // Cine France

Sinopse: "Ao rever nossos filmes em Super 8 feitos entre 1972 e 1981, percebi que eles não apenas constituem um arquivo familiar, mas também um testemunho sobre os gostos, passatempos, estilo de vida e aspirações de uma classe social, durante a década que segue 1968. Quis integrar essas imagens mudas em uma narrativa que cruza história, aspectos sociais e também o íntimo, usando meu diário pessoal daquelas épocas. "- Annie Ernaux

Sala 2 - Sessão:

Quinta-feira 01/02 - 17h _ Sessão seguida de conversa.


Faixa Clássicos (06 + 13 filmes)


CORISCO & DADÁ (Brasil, 1996)

Direção: Rosemberg Cariry // 112 min // 12 anos // Sereia Filmes

Sinopse: O capitão Corisco é um condenado de Deus, cuja missão é lavar com sangue os pecados do mundo. Um dia ele rapta Dadá e a vida dos dois muda completamente. Diante da morte de um filho, tomado de fúria, Corisco rompe com Deus, e Dadá tenta salvá-lo do abismo do ódio, mas o terrível destino não tarda a chegar.

Exibição da cópia restaurada em 4k.

Sala 2 - Sessão:

Quinta-feira 25/01 - 16h

Domingo 28/01 - 16h _ Sessão seguida de conversa.


A GRANDE TESTEMUNHA / AU HASARD BALTHAZAR (França, 1966)

Direção: Robert Bresson // 92 min // 12 anos // Cine France

Sinopse: A vida do asno Balthazar que vai de mestre em mestre, às vezes amado, às vezes maltratado e mergulhado no meio dos dramas humanos, paralela à da sua primeira dona, Marie. Uma parábola sobre o mal, a pureza e a transcendência.

Sala 02 - Sessão:

Domingo 04/02 - 19h


ALBOURAH (Senegal / França, 1964)

Direção: Ousmane Sembène // 26 min // Livre //

Sinopse: O dia amanhece em Dakar. Um carroceiro (Ly Abdoulay) deve lutar todos os dias para alimentar sua família e seu cavalo. Albourah, o cavalo do carroceiro, relata o dia de trabalho com seu mestre.

Sala 2 - Sessão:

Domingo 04/02 - 16h


JAMAL (Sudão, 1981)

Direção: Ibrahim Shaddad // 14 min // Livre // Cine France

Sinopse: O curta-metragem Jamal d'Ibrahim Shaddad, membro fundador do Grupo do cinema sudanês, é uma reportagem sobre a vida de um camelo, cuja maior parte se passa num pequeno cômodo monótono – um moinho de gergelim. Restaurado pelo Arsenal de Berlim em 2019.

Sala 2 - Sessão:

Domingo 04/02 - 19h


HEREMAKONO - ESPERANDO A FELICIDADE (Mauritânia, 2002)

Direção: Abderrahmane Sissako // 95 min // 12 anos // Cine France

Sinopse: ANouadhibou, vilarejo de pescadores na costa da Mauritânia, Abdallah, um jovem maliano de 17 anos espera junto com a mãe sua partida para a Europa. Nesse lugar de exílio e de frágeis esperanças, o jovem, que não entende a língua, tenta decifrar o universo que o cerca: Nana, uma jovem sensual, Makan, que sonha com a Europa, Maata, um antigo pescador reconvertido em eletricista e seu discípulo que vai ajudar Abdallah a sair do seu isolamento ensinando o dialeto local a ele. Os destinos se cruzam e de descruzam com o passar dos dias, os olhares fixos no horizonte a espera de uma felicidade hipotética.

Sala 02 - Sessão:

Terça-feira 30/01 - 14h.


SUR LA DUNE DE LA SOLITUDE

Direção: Timité Bassori // 32 min // 12 anos // Cine France

SinopseOfilme é baseado em uma lenda na qual Mamy Watta, a deusa da água, seduz os humanos. Trata-se do encontro de dois jovens uma noite à beira da lagoa. Os dois jovens se conhecem e passam a noite junto à água. Na manhã seguinte, quando acordaram, a menina desapareceu. Estranhamente, mais tarde, o jovem encontrará o rosto de seu companheiro de uma noite em um leito de morte.

Sala 2- Sessão:

Sexta-feira 02/02 - 17h


PROGRAMA ALICE GUY BLACHÉ - 13 COURTS MÉTRAGES

Direção: Alice Guy // 50 min // 10 anos // Cine France

Programa de 13 curtas-metragens de Alice Guy dirigidos entre 1898 e 1907. É a primeira diretora de filmes de ficção da história do cinema. Foi ela que sugeriu a Léon Gaumont abandonar as simples vistas animadas para filmar pequenas histórias roteirizadas. A autorização é dada a ela e é um fato excepcional numa profissão reservada aos homens. Até 1907, ela vai reinar na produção Gaumont como diretora, diretora artística, roteirista, experimentar truques e efeitos especiais. Lista de filmes: Chez le magnétiseur, Chirurgie fin de siècle, Avenue de l’opéra, Chapellerie et charcuterie mécaniques, Chez le photographe, Questions indiscrètes, Madame a des envies, Les Résultats du féminisme, Le Lit à roulette, La Course à la saucisse, Alice Guy tourne une phonoscène? , Sur la barricade, Le Billet de banque.

Sala 2 - Sessão:

Quinta 01/02 - 14h


Faixa Transversal (16 + 4 filmes)

PODE ME CHAMAR DE NADÍ (CE, 2009) - Materiais

Direção: Déo Cardoso // 19 min. // Livre

Sinopse: Cansada de bullying por conta de seus cabelos crespos, a pequena Nadí usa um boné para escondê-los. Quando seus colegas tiram seu boné e o levam, Nadí parte contra tudo e contra todos para recuperá-lo, até encontrar uma pessoa que muda completamente sua vida.

Sala 2 - Sessão:

Domingo 28/01 - 14h


SUPERMEMÓRIAS (CE, 2010) - Materiais

Direção: Danilo Carvalho // 22 min. // Livre // Alumbramento

Sinopse: Um olhar poético sobre a cidade de Fortaleza-CE a partir de registros caseiros e super 8mm das décadas de 60, 70 e 80. Este é um fruto de uma manifestação da cidade no ato de doar sua memórias para uma poesia coletiva. Conduzido por uma série de pequenos filmes caseiros que mostram famílias e lugares que já não são os mesmos.

Sala 2 - Sessão:

Quinta-feira 01/02 - 17h _ Sessão seguida de conversa.


CORTE (CE, 2021)

Direção: Andréia Pires// 44 min. // 14 anos

Sinopse: Uma história para pensar em partes separadas, paredes nas quais encontram-se rachaduras profundas, desgastes em relevo talhados pela ação de um tempo desigual, servindo para mirar o lado de lá das coisas. Uma peça para dançar com o quê se tem, para remover ficções de um corpo para outro, e nesse espaço entreaberto, notar aquele pedaço de representação em miniatura, de um mundo que não se vê.

Sala 2 - Sessão:

Sábado 27/01 - 16h _ Sessão seguida de conversa.


PROSOPOPEIA (CE, 2022)

Direção: Andréia Pires// 21 min. // Livre

Sinopse: CORALINA aprendeu a gritar para espantar os males. VALENTINA faz exercícios e desenha quando o dia amanhece. BALBINA faz limpeza física e espiritual; seu dom é organizar situações. GODOFREDO, romântico e atencioso, trabalha tocando e é ótimo animando festas. COSMA, bailarina cantora, que sabe tudo de filosofia, é irmã de DAMIANA que escreve músicas de amor para compositores iniciantes. MARGARIDA fugiu de casa muito jovem e é profissional em fazer penteados. ERANDIR quer descobrir o mundo dançando. ARIEL, maquiador impecável, vende sorvetes na praça. A trupe de artistas arrancou-se de seu buraco, pôs-se de pé. Como num sonho, ensaiaram alguns passos e seguiram, com rimas e riscos… felizes.

Sala 2 - Sessão:

Sábado 27/01 - 16h _ Sessão seguida de conversa.


NA ESTRADA SEM FIM HÁ LAMPEJOS DE ESPLENDOR

Direção: Nico da Costa e Sunny Maia // 11 min. //

Sinopse: Uma vez, elu disse: quando fui embora de mim, adeus era tudo o que tinha para dizer. Nessa viagem, talvez não exista uma chegada. Só um caminho infinito.

Sala 2 - Sessão:

Terça-Feira 30/01 - 14h


FICAMOS FELIZES COM SUA MARCANTE PRESENÇA NESSE MOMENTO TÃO ESPECIAL DE NOSSAS VIDAS (CE, 2008)

Direção: Pedro Diógenes // 20 min. // Livre

Sinopse: Pai e filho passeiam pelo centro de Fortaleza visitando cinemas fantasmas.

Sala 2 - Sessão:

Terça-Feira 06/02 - 14h


QUINZE PRIMAVERAS (CE, 2023)

Direção: Leão Neto // 15 min. // Livre //

Sinopse: Ravena nos conta sobre o desabrochar das flores de suas primaveras. Num tom agridoce, ela valsa com os obstáculos da vida na tentativa de realizar os seus sonhos.

Sala 2 - Sessão:

Domingo 28/01 - 18h


RAMAL (MG, 2023)

Direção: Haroldo Saboia // 16 min. // 14 anos // Ponta de Anzol

Sinopse: Protegidos pelas montanhas que cercam a Vila Marzagão, na periferia da cidade de Sabará, Minas Gerais, um grupo de jovens se divertem sobre suas motocicletas em um viaduto sem saída conhecido pelos moradores da região como ramal ferroviário.

Sala 2 - Sessão:

Terça-feira 30/01 -16h


ORAÇÃO (CE/SP, 2023)

Direção: Haroldo Saboia // 30 min. //

Sinopse: Oração é um filme-canto: duas musicistas e um bailarino elaboram a relação entre memória diaspórica afro-brasileira e a canção popular, sobretudo o samba. Com uma montagem fragmentada, improvisações musicais e proposições de dramaturgia com textos e falas de poetas como Edimilson de Almeida Pereira, Aimé Cesáire, Lucille Clifton, Gilberto Gil, Zé Keti e Nelson do Cavaquinho.

Sala 2 - Sessão:

Sexta-feira 02/02 - 14h


OCEANO (CE, 2023)

Direção: Amanda Pontes, Michelline Helena // 15 min. //

Sinopse: Para honrar um compromisso, Lucia atravessa um oceano.

Sala 2 - Sessão:

Sábado 03/02 - 16h


KILA & MAUNA(CE, 2023)

Direção: Ella Monstra // 19 min. // Livre

Sinopse: Uma ligação no meio da noite pode mudar todos os caminhos. Em busca de Triz, uma amiga desaparecida, Kila e Mauna se encontram em uma jornada de resgate. Para chegar onde querem terão que atravessar os desertos que o tempo sedimentou entre elas.

Sala 2 - Sessão:

Terça 06/02 - 17h


NEBULOSA (CE, 2020)

Direção: Bárbara Cabeça, Noá Bonoba // 14 min. // Livre

Sinopse: Durante um isolamento de emergência, uma mulher convive com um fantasma. Um dia, ela descobre uma rota alternativa: Xx23- amb.rec 12 mil 207+symb.

Sala 2 - Sessão:

Sábado 03/02 - 14h


LONGA VIDA AO CINEMA CEARENSE (CE, 2008) - Materiais

Direção: Irmãos Pretti// 11 min. //

Sinopse: Curiosidade. Um conselho aos jovens. Curiosidade.

Sala 2 - Sessão:

Quinta- feira 25/01 - 14h


MULHERES ÁRVORE (CE, 2022) - Materiais / Trailer

Direção: Wara // 17 min. //

Sinopse: Uma família de mulheres guarda um segredo milenar para sobreviver em meio a um etnocídio. Entre a rotina e a espera, elas são invocadas a se rebelarem.

Sala 2 - Sessão:

Quarta-feira 07/02 - 16h


RUMO AO DESVIO (CE, 2021) - Materiais

Direção: Linga Acácio // 15 min. //

Sinopse: Ao caminhar por entre as águas da transposição do Rio São Francisco abre-se a chance de (re)parar os desvios aos quais também somos submetides de forma compulsória.

Sala 2 - Sessão:

Sábado 27/01 - 18:30h


O CÉU DE IRACEMA (CE, 2002) - Materiais

Direção: Iziane Filgueiras Mascarenhas // 12 min. // Livre

Sinopse: A descoberta do primeiro amor durante uma disputa de pipas, tendo o céu de Iracema como testemunha.

Sala 2 - Sessão:

Domingo 04/02 - 14h


PROGRAMA LARISSA SANSOUR

Sala 02 - Sessão: Sábado 03/02 - 19h30

Serão exibidos os filmes: "A Space Exodus" (2008), "Nation Estate" (2012), "In the Future They Ate From the Finest Porcelain" (2016) "In Vitro" (2019)


(Informações da asessoria)

Comments


bottom of page